Ganhe $5 dólares de desconto aqui...
Serviço ao cliente: (11) 3230-3221 Segunda a sexta, das 9:00 às 18:00 UTC-3   |   Ajuda
br
Brasil
0
 Carrinho de compras
Itens no seu carrinho de compras Quantidade Preço
Sub-Total: R$0.00
R$0.00

Como o mau humor pode levá-lo à uma saúde ruim.

A raiva é uma emoção humana normal, mas pode ter efeitos reais sobre a sua saúde. Aprenda os efeitos da raiva e maneiras de combatê-la no artigo desta semana. eVitamins Brasil.
1.
R$43.68
(2)
2.
R$55.09
(1)
3.
R$14.57
(2)

Todos mundo fica nervoso às vezes. Alguém nos corta no trânsito, nossa carga de trabalho fica pesada ou o dia simplesmente não está indo como gostaríamos. É natural ficar zangado, mas se você está começando a enxergar tudo vermelho, o seu risco de desenvolver a doença coronariana pode estar aumentando.
Os Riscos do Estresse
Nós podemos ver em desenhos animados a demonstração de raiva com uma veia pulsante e achamos engraçado, mas esta pode ser a realidade de algumas pessoas. Um estudo de 2001 fala sobre a correlação da doença arterial coronária (DAC) e a maneira com que as pessoas expressam a sua raiva. A DAC é um dano ou uma doença em um vaso cardíaco principal que pode levar ao ataque cardíaco, dor no peito e até mesmo a morte. Após estudar mais de 12.000 indivíduos de meia-idade, descobriu-se que aqueles que trataram uma situação com melhor controle da sua raiva tinham um menor risco de desenvolver a doença do que aqueles que reagiram agressivamente ou com frustração. Aquelas pessoas com temperamento explosivo precisam se preocupar não apenas com a DAC, mas o que nos leva a desenvolver a doença. Este estudo da Coréia descobriu que os níveis crescentes de pressão arterial eram consistentes com os níveis de raiva. Outros estudos revelaram que a raiva pode nos levar a fazer escolhas erradas de estilo de vida que poderiam ter um impacto negativo em nossa saúde. Pesquisas como esta da Universidade Johns Hopkins têm estudado a ligação entre a raiva e a diabetes tipo 2. Não há uma conexão clara, mas o argumento é que a raiva estimula um comportamento arriscado e maus hábitos alimentares (resultando em obesidade). E estes levam a diabetes. É uma cadeia de pensamento que precisa de mais pesquisa, mas definitivamente vale a pena tomar nota. Para aqueles que já sofrem com transtornos alimentares, a raiva pode ser um gatilho para compulsão alimentar. Este estudo do Neuropsychiatric Research Institute explica que a raiva pode aumentar a impulsividade e a mesma prevê episódios de compulsão alimentar. Essa é uma informação valiosa para monitorar hábitos alimentares e manter o controle dessa situação. Outras fontes sugeriram que indivíduos que já estavam com a saúde ruim estavam mais propensos a ficar com raiva ou a expressar agressão externa. Este estudo cita o papel da raiva em outros estudos quando lidam com doenças crônicas. Tudo isso tem feito a raiva não apenas uma causa, mas um sintoma de saúde ruim e mecanismo de enfrentamento também. É bastante amedrontador se você parar para refletir sobre isso. A raiva pode estar acabando com a sua saúde.
Não se oprima. Expresse-se?
Esconder a sua raiva não lhe ajudará a manter distância de nenhum dos pontos acima mencionado. Este estudo da University of Southern Maine mostrou um aumento na pressão arterial nas pessoas que reprimem a raiva em comparação àquelas que a expressaram. De acordo com um artigo no Journal of Organized Behavior, as pessoas na indústria de serviços relataram níveis mais altos de ansiedade, depressão e sintomas somáticos (fadiga, dor física geral, etc.) quando reprimem a raiva, quando comparadas às pessoas que a expressaram.

Você pode estar pensando: "Ótimo! Eu vou apenas expressar minhas emoções então!" Mas de acordo com a Associação Americana de Psicologia, expressar raiva externamente ainda é uma má idéia. Isso não só o levará a um mundo mais agressivo, também pode alienar as pessoas próximas a você e cortar laços importantes de suporte durante os tempos difíceis. Além disso, também aumenta as situações que podem te levar a circunstâncias mais perigosas.

 

Anger can raise your blood pressure.

 

Lidando com a raiva
A raiva é uma emoção humana e às vezes pode ser muito difícil de controlar. Mesmo uma ligeira irritação pode causar muito desgaste em sua vida. Aprender como controlar a sua raiva é um passo certo na direção de sua saúde. Experimente estas dicas adaptadas pela Mayo Clinic.
  1. Controle o fluxo de raiva. Às vezes quando ficamos bravos, as coisas vão se acumulando até o momento que perdemos o controle, como um trem desgovernado. Você pode tentar conter-se através de respirações profundas. Não só os exercícios de respiração o impedem de dizer algo que você vai se arrepender depois, mas também é uma maneira excelente de aliviar o estresse. Concentrar-se na respiração muda o foco do seu pensamento. Algumas respirações podem transformar aquela raiva explosiva em algo mais fácil de controlar.
  2. Tente resolver o problema. Algumas pessoas podem secretamente gostar da adrenalina, mas detesta os resultados. Nós afirmamos acima que a raiva aumenta a pressão arterial, por isso é verdade que existem efeitos que acontecem com o corpo quando ficamos irritados. O exercício físico é uma boa maneira de lidar com esse excesso de energia. Uma caminhada rápida, corrida ou sprint podem ajudar a acalmar essa tensão. Além disso, também pode tirá-lo da situação em que você está e evitar que você se irrite novamente.
  3. Pare por um momento. Você já se perguntou por que nós colocamos as crianças de castigo? É para que elas possam se acalmar e para que possam descobrir o motivo da raiva delas, antes que elas se machuquem ou machuquem outras pessoas. Você também pode fazer isso quando confrontado em alguma situação. Se você está desesperadamente necessitado de uma saída, pare e tente pensar em algo positivo. Passe alguns minutos sozinho no banheiro, vá almoçar ou simplesmente saia e tente coletar os seus pensamentos. Dar espaço a você mesmo lhe dará tempo adequado para processar a situação corretamente.
  4. Não ignore os motivos. Algo o deixou nervoso e ignorar o motivo só irá te levar a outro episódio no futuro. Em vez disso, quando você estiver mais calmo, tente encontrar uma solução. Converse sobre falta de comunicação, evite pessoas que agravam o problema e faça mudanças apropriadas para melhorar sua situação e sua saúde mental.
  5. Expresse a sua raiva adequadamente. Você não precisa ocultá-la, especialmente se houver motivos muito bons para existência dela. Mas isso não significa que você precisa usá-la como uma arma para ferir as pessoas. Se você não consegue se comunicar com calma, fale com uma pessoa de confiança ou escreva seus sentimentos em um papel. Essa é uma ótima maneira de descobrir a fonte do seu stress e aprender a lidar com ele sem prejudicar ninguém.
  6. Peça desculpas. A raiva pode nos irritar às vezes e nos fazer agir imprudentemente. Assuma os erros cometidos e resolva problemas para evitar que eles se repitam. Desculpar-se é uma maneira de entender como a raiva pode realmente impactar sua vida e entender as situações que a provocou, assim você tenha uma grande motivação para mudar o seu comportamento.

Se você está estressado e precisa de mais dicas para ficar zen e não explodir, veja alguns desses outros artigos:
  1. Controlando o stress: Os benefícios de manter-se calmo
  2. 3 Maneiras para relaxar
  3. 6 Dicas para reduzir os sintomas da ansiedade
Você tem outras maneiras de lidar com a raiva ou você tem sorte o suficiente de ser uma pessoa calma? Compartilhe as suas idéias no blog de hoje em nossas páginas do Facebook, Twitter ou Instagram. Volte em breve para obter mais informações que poderiam ajudá-lo a viver um estilo de vida mais saudável!

Compartilhe:
Related Articles You May Like
Melhore a postura para eliminar a dor
Melhore a postura para eliminar a dor
Exercício em Casa vs Exercício na Academia
Exercício em Casa vs Exercício na Academia
Como começar a correr
Como começar a correr
5-HTP pode ajudar com depressão, ansiedade e apetite
5-HTP pode ajudar com depressão, ansiedade e apetite


RELATED CATEGORIES
ADD e TDAH

Alergias

Ansiedade

Anti-Idade

Artrite

Audição

Circulação

Colesterol

Cupons

Depressão

Descanso & Relax

Detox

Diabetes

Digestão

Dores de cabeça

Equilíbrio Hormonal

Estresse

Fibromialgia

Fumante

Hemorróidas



Produtos Suporte ao Coração que você pode gostar:
Life Extension Super Omega-3 EPA/DHA with Sesame Lignans
Life Extension Optimized Folate L-Methylfolate
Metagenics Methyl Care (Formerly called Vessel Care)
Now Foods TMG 1000 mg
Enzymatic Therapy DMG-B15-Plus
Metagenics Cardiogenics Intensive Care
Cupons e Promoções
Cadastre-se
eVitamins Brasil, Direitos Autorais 1999-2017. Todos os Direitos Reservados.

Declarações feitas sobre específicas vitaminas, suplementos ou outros itens vendidos no/ou através deste site não foram avaliadas pela evitamins ou pela Administração de Comidas e Medicamentos dos Estados Unidos. Eles não são destinados a diagnosticar, tratar, curar ou prevenir doenças. As informações fornecidas neste site são apenas para fins informativos. Como sempre, por favor consulte um médico licenciado antes de iniciar qualquer programa de dieta, exercício ou suplemento, antes de tomar qualquer vitamina ou medicação ou se você tiver ou suspeitar que pode ter um problema.

Política de Privacidade | Termos e Condições