Ganhe $5 dólares de desconto aqui...
Serviço ao cliente: 00xx +15867316101   |   Ajuda
Brasil
0
 Carrinho de compras
Itens no seu carrinho de compras Quantidade Preço
Sub-Total: R$0.00
R$0.00

6 mudanças que você deve fazer para melhorar a audição

A audição é um sentido que todos nós dependemos diariamente, mas muitas vezes não tomamos cuidados regulares para preservá-la. Continue lendo para saber mais sobre como você pode ter uma ótima saúde auditiva.
1.
R$78.80
2.
R$42.72
(3)
3.
R$30.91
(1)

Muitas pessoas acham que sua audição está garantida e se descuidam sobre os muitos fatores que podem impacta-la negativamente. No entanto, assim que você começar a envelhecer, sua incapacidade de ouvir corretamente irá, provavelmente, se tornar uma questão mais significativa. Para ajudar a prevenir que sua audição tome um rumo drástico em direção ao pior quando você ficar mais velho, existem vários passos importantes que você pode tomar agora para promover uma audição melhor.


1. Mantenha sua dieta saudável.

Se você acha que os alimentos que você come não afetam a sua audição, você está surpreendentemente errado. Um estudo publicado no American Journal of Clinical Nutrition descobriu que os participantes que consumiram duas ou mais porções de peixe por semana, tiveram um risco menor de desenvolver a perda auditiva, em comparação com aqueles que raramente comiam peixe; os ácidos graxos ômega-3 desempenham um papel importante. Além disso, um estudo do Journal of Nutrition sugere que baixos níveis de ácido fólico podem desempenhar um papel no aumento do risco da perda auditiva para 35 por cento, em pessoas de 50 anos ou mais. Alguns alimentos com fontes significativas de ácido fólico incluem o brócolis, espinafre e feijão.


2. Abaixe o volume.

Pode parecer muito simples, mas muitas pessoas ainda não perceberam o efeito que os ruídos altos têm em sua audição. Além de monitorar o controle do volume dos seus fones de ouvido, você pode tomar precauções e utilizar tampões de ouvido quando você estiver utilizando um cortador de grama, ou em um concerto, ou em outras situações em que podem haver uma quantidade excessiva de ruídos altos.


3. Verifique os seus medicamentos.

Sua chance de sofrer uma perda auditiva pode ser afetada pelos tipos de medicamentos que você toma. O The American Tinnitus Association afirma que certos antidepressivos, antibióticos, analgésicos, diuréticos e outros medicamentos, podem causar deficiência auditiva. Você deve conversar com o seu médico se você tiver quaisquer dúvidas sobre a qualidade da sua audição enquanto estiver tomando estes medicamentos.


4. Tente utilizar suplementos de apoio auditivo.

Um estudo realizado pela Universidade da Flórida mostrou que os suplementos, como as vitaminas C, E, beta caroteno e magnésio, evitaram a perda da audição em animais de laboratório, quando eles foram consumidos antes de uma exposição ao ruído alto. Além disso, Michael Seidman, MD, disse a Bottom Line Health que o CoQ10, a L-glutationa, o acetil-L-carnitina e o ácido alfa-lipóico podem ajudar na proteção auditiva.



5. Certifique-se de que você está com uma boa saúde, e pare com os maus hábitos.

Certas condições médicas e problemas de saúde podem contribuir para destruir a sua audição. Pressão alta, diabetes, acidente vascular cerebral, meningite e infecções no ouvido são vários problemas de saúde que podem causar perda auditiva, variando de temporária para permanente. Além disso, fumar é outra coisa que você deve considerar quando se trata dos hábitos que podem prejudicar a sua audição. Um estudo publicado no Journal of the Association for Research in Otolaryngology demonstrou a ligação entre o tabagismo e a perda auditiva nos fumantes, nos fumantes passivos e nos não fumantes. Os resultados mostraram que os fumantes tiveram 15,1% mais probabilidade de obter a perda auditiva do que aqueles que eram fumantes passivos e não fumantes. Os fumantes passivos ainda tinham uma chance maior de desenvolver a perda auditiva do que os não fumantes.


6. Se exercite o suficiente.

O exercício é necessário para todas as pessoas para que possam manter uma boa saúde em geral, mas um estudo de 2013 mostrou também que a prática de exercícios regular, pode ser benéfica para prevenir as perdas auditivas. Os pesquisadores desse estudo descobriram que um IMC maior e uma circunferência mais larga da cintura estavam conectados com um risco maior de desenvolver a perda auditiva, e que maiores quantidades de exercícios e atividades físicas foram amarrados com uma redução do risco da deficiência auditiva.


A perda auditiva pode afetar pessoas de todas as idades e não apenas quando você estiver mais velho, por isso, é uma boa ideia começar a tomar precauções agora para te poupar de sofrer com isso no futuro. Na eVitamins temos muitos produtos diferentes de saúde e essenciais para o seu bem-estar, incluindo os suplementos, que podem ser capazes de ajudar a melhorar a sua audição. Mantenha-se saudável e volte da próxima vez para mais notícias sobre saúde na eVitamins!


Compartilhe:
Related Articles You May Like
O que os seus lábios tem a dizer sobre a sua saúde
O que os seus lábios tem a dizer sobre a sua saúde
Seu Problema de Próstata não é apenas o Câncer
Seu Problema de Próstata não é apenas o Câncer
Exercícios para se manter saudável na terceira idade
Exercícios para se manter saudável na terceira idade
Saiba tudo sobre Ômega-3
Saiba tudo sobre Ômega-3


RELATED CATEGORIES
ADD e TDAH

Alergias

Ansiedade

Anti-Idade

Artrite

Audição

Circulação

Colesterol

Cupons

Depressão

Descanso & Relax

Detox

Diabetes

Digestão

Dores de cabeça

Equilíbrio Hormonal

Estresse

Fibromialgia

Fumante

Hemorróidas



Produtos Audição que você pode gostar:
Natural Care HearAll
Nature's Plus Animal Parade Inner Ear Support
Homeolab USA Tinnitus Symptom Relief
Nature's Answer Bio-Ear
Wally's Organic Ear Oil
Similasan Earache Relief
Cupons e Promoções
Cadastre-se
eVitamins Brasil, Direitos Autorais 1999-2016. Todos os Direitos Reservados.

Declarações feitas sobre específicas vitaminas, suplementos ou outros itens vendidos no/ou através deste site não foram avaliadas pela evitamins ou pela Administração de Comidas e Medicamentos dos Estados Unidos. Eles não são destinados a diagnosticar, tratar, curar ou prevenir doenças. As informações fornecidas neste site são apenas para fins informativos. Como sempre, por favor consulte um médico licenciado antes de iniciar qualquer programa de dieta, exercício ou suplemento, antes de tomar qualquer vitamina ou medicação ou se você tiver ou suspeitar que pode ter um problema.

Política de Privacidade | Termos e Condições